quarta-feira, 22 de julho de 2009

Chegança


video
O trabalho cênico Chegança é o primeiro resultado do Núcleo de Pesquisa e Produção Teatral do SESI-DF em parceria com o Teatro do Concreto, que iniciou suas atividades em junho de 2007.



A investigação de linguagem para Chegança, ainda em processo, passou por um breve contato com elementos da Commedia Del’ Arte e do teatro de rua e a apresentação no Teatro Yara Amaral, no Centro Cultural SESI de Taguatinga-DF foi uma oportunidade de verificar como esse caminho estético dialoga com o público.
O teatro popular é a abordagem estética e de treinamento de atores que o diretor Francis Wilker está iniciando e que resultará em montagem de espetáculo inédito para 2008. O SESI desenvolve por meio do grupo Teatro do Concreto - grupo brasiliense que tem como foco a investigação de novas possibilidades de composição da cena teatral - o Núcleo de Pesquisa e Produção Teatral - um projeto amplo que responde de forma concreta aos objetivos do SESI de incentivar a produção artística local e contribuir para a melhoria da qualidade de vida do trabalhador, para isso, o projeto está desenvolvendo três linhas de atuação:
1- Núcleo de Pesquisa Teatral do SESI (NPT-SESI) - O Centro de pesquisa e produção cultural em teatro tem a sua ação voltada para a pesquisa de linguagem e a formação e estímulo à criação teatral. Dessa forma, se consolida como um espaço de criadores interessados em pensar, praticar e construir conhecimento no campo do desenvolvimento das artes cênicas. Todas as ações do NPPT serão registradas e publicadas.
2 - Oficinas de Teatro do SESI - Serão oferecidas oficinas de iniciação teatral para trabalhadores da indústria e seus familiares. Uma ação que fortalecerá as demais iniciativas de promoção da qualidade de vida do trabalhador e da sua inserção cultural. As oficinas serão oferecidas, inicialmente, em 4 unidades do SESI-DF (Taguatinga, Ceilândia, Núcleo Bandeirante e Sobradinho). O objeto de pesquisa que permeia todo o planejamento para as oficinas que serão ministradas por atores do Teatro do Concreto é a questão da imagem na contemporaneidade. A idéia não é simplesmente fazer uma oficina e montar uma peça no final, mas desenvolver e aprofundar uma questão estética no percurso de ensino-aprendizagem em teatro.
3 - Trupe da Vida – criação e apresentação de cenas curtas focadas em temas relacionados à qualidade de vida que serão apresentadas em indústrias do DF, atendendo a demanda por apresentações teatrais sócio-educativas para orientar e colaborar na formação dos trabalhadores. As primeiras esquetes teatrais criadas para esse trabalho falam de alimentação e atividade física e usam elementos da Commédia Del’ arte e do teatro de rua. A proposta do Núcleo de Pesquisa foi fazer da criação das cenas curtas também um espaço privilegiado para a pesquisa de linguagem cênica.
Além do NPPT, o SESI DF desenvolve diversas ações de sucesso voltadas para o desenvolvimento cultural da capital, exemplo disso é o Centro Cultural do SESI em Taguatinga, criado na década de 70, e que hoje é importante referência de difusão cultural na cidade. O projeto SESI Cultural, em parceria com a TV Globo Brasília, integra as terças cinematográficas, quartas cênicas e quintas musicais. A iniciativa descobre e valoriza o potencial de novos talentos; promove a descentralização da cultura e a democratização do acesso à arte; forma novas platéias qualificadas com senso crítico e estético e divulga as manifestações culturais do Distrito Federal, por isso o projeto é realizado durante todo o ano e com entrada gratuita.
Só em 2007 já passaram pelos palcos do Centro Cultural mais de 60 espetáculos de teatro, música e também filmes. Nomes como Guilherme Arantes, Flávio Venturine, Irmãos Guimarães e tantos outros abrilhantaram as noites de Taguatinga e mostraram a diversidade de linguagens em cada área, contribuindo sobremaneira para a formação de platéia.
Com a criação do NPPT SESI-DF, a instituição espera fortalecer ainda mais suas ações na área cultural e contribuir para o desenvolvimento das artes cênicas no DF.

Marcadores: ,

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial